Buscar
  • Equipe de RP

Origem do código de barras impresso nas embalagens dos produtos


Os códigos de barras, em regra geral, são utilizados para representar uma numeração atribuída aos produtos fabricados pela empresa, facilitando a captura de dados através de leitores (scanners) e coletores de código de barras, propiciando a automação dos processos no meio comercial. A geração ocorre a partir da definição do “GTIN (Global Trade Item Number)”, que é um identificador para itens comerciais, desenvolvido e controlado pela GS1 - associação multissetorial sem fins lucrativos, que gerencia o Cadastro Nacional de Produtos. Assim, para que ocorra a atribuição de um código de barras para determinado produto, deverá o fabricante, ou detentor da marca, providenciar tal cadastramento junto a GS1 Brasil. O código de barras dos produtos são compostos por 13 dígitos, que indicam o país de origem (três primeiros dígitos), a empresa fabricante ou detentora da marca, a descrição das características do item e, por último, um dígito verificador para validar a sequencia numérica. Esse código de barra permite a identificação do produto em qualquer estabelecimento, diferentemente de outros códigos de barras utilizados apenas internamente nos estabelecimentos comerciais, como nos supermercados nas balanças de pesagem de produtos (frutas, verduras).


7 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Pompermaier Contabilidade Ltda.

(51) 3051-3055

  • Instagram

© 2014 by Bee